Menos glúten, mais energia?

Dietas livres da proteína fazem sucesso entre as celebridades e uma nova pesquisa mostra o porquê

Sabe aquela ideia de que o glúten pode ser o vilão da sua boa saúde? Parece que isso pode, de alguma maneira, ser verdade, embora existam controvérsias. 

Apesar de já ter sido adotada por muitas celebridades, como Gwyneth Paltrow e MileyCyrus, a dieta sem glúten parece ter uma nova evidência em seu favor.

Uma pesquisa divulgada no final de novembro afirma que manter uma dieta livre de glúten pode reduzir a fadiga e aumentar os níveis de energia.

Abrir mão do glúten também pode reduzir o inchaço, flatulência e fadiga, porque leva a uma nutrição mais saudável, segundo a Universidade Aberdeen.

Isso porque ao reformular a sua dieta para cortar o glúten, as pessoas introduzem mais fibras e reduzem o consumo de sal, isso reduz a pressão arterial e a glicose.

Além disso, a pesquisa descobriu que a intolerância ao glúten vai além da doença celíaca e essa parcela de pessoas sensíveis ao glúten, mas que não têm a doença é bem maior do que os celíacos.

Nenhum dos 94 participantes (64 mulheres e 31 homens) ganhou peso durante o experiência de cortar o glúten da dieta.