Beleza

Evite as dores musculares após o treino

Atualizado em 11 de agosto de 2016
Evite as dores musculares após o treino

Mudança, retomada ou aumento de intensidade nos exercícios podem causar dor, saiba evitar

 

No pain, no gain é o lema de quem treina nas academias, mas a dor não pode ser insuportável e ela não significa mais sucesso no seu treino. O incômodo nomeado de Dor Muscular Tardia (DMT) caracteriza-se por um tipo de dor que aumenta progressivamente nas horas subsequentes à atividade física, com maior incidência entre 24 e 72 horas após o esforço.

 

Leia também: Whey protein engorda?

 

Isso acontece principalmente quando um novo treino é iniciado ou quando a intensidade do exercício é maior, pois o músculo passa a exigir um desempenho até então não realizado. Dessa maneira, a musculatura, que não estava preparada para suportar tamanho esforço, sofre um micro trauma, lesões muito pequenas da estrutura muscular que atingem os músculos mais trabalhados.

 

Leia também: Devo fazer o aeróbio antes ou depois da musculação?

Apesar de comuns, a dores pós-treinos podem ser evitadas. Abaixo, confira algumas dicas da unidade MIP (medicamento isento de prescrição) do Aché Laboratórios, para livrar-se do problema e melhorar o desempenho:

1. Aquecimento e alongamento

Antes de qualquer atividade, é extremamente importante que o atleta prepare o corpo. O aquecimento faz com que a musculatura do corpo seja estimulada, diminuindo o risco de lesões. Depois do treino é necessário fazer um alongamento, pois este processo ajudará os tecidos musculares a relaxarem e a recuperarem forças para os próximos desafios.

 

Leia também: Por que é importante seguir a ordem dos aparelhos prescritos? 

 

2. Alimentação adequada

A nutrição correta pode evitar a fadiga, otimizar o período de recuperação, diminuir a ocorrência de lesões, promover qualidade de vida e ainda garantir a correta reposição dos estoques de energia. Uma alimentação equilibrada também contribui ainda para o fortalecimento do sistema imunológico e garante boa concentração.

 

Leia também: Musculação X Pilates: qual é o melhor exercício para você

 

3. Conheça seus limites

É normal querer ultrapassar limites, mas é preciso cautela. A intensidade dos treinos deve ser aumentada aos poucos. Nos dias em que houver incômodos, o ideal é realizar atividades moderadamente ou treinar outros grupos musculares.

Leia Também

Trate as estrias com alimentação adequada

Trate as estrias com alimentação adequada

Efeito sanfona nunca mais em 4 passos

Efeito sanfona nunca mais em 4 passos

Cuidado com os treinos intensos: aprenda a dosar

Cuidado com os treinos intensos: aprenda a dosar

6 mitos e verdades sobre os abdominais

6 mitos e verdades sobre os abdominais

Método Tabata: treinamento promete corpo dos sonhos em pouco tempo

Método Tabata: treinamento promete corpo dos sonhos em pouco tempo

Curta nossa página

Siga no Pinterest