Relacionamento

Gateira ou cachorreira: o que isso diz sobre sua personalidade

Atualizado em 23 de maio de 2019
Gateira ou cachorreira: o que isso diz sobre sua personalidade

Winston Churchill afirmou que “cachorros nos veem de baixo, gatos nos olham de cima”. Mas o que isso realmente significa?

Ser gateira ou cachorreira (ou os dois, ou nenhum dos dois) pode dizer muito mais sobre a sua personalidade do que você pode imaginar. É o que afirma uma pesquisa publicada no Psychology Today.

Os motivos de quem escolhe um cão ou um gato como animal são diferentes. 38% de quem tem o cachorro escolheu porque queria companhia, enquanto 45,6% dos donos de gatos queriam afeto.

Ter um cachorro é uma experiência essencialmente social, já que você precisa levá-los para passear e um cachorrinho pode ser uma poderosa válvula de interação social. Eles também dão mais trabalho. O que pode significar que uma pessoa que prefere cães é naturalmente mais fácil de se conviver e está disposta a dar duro para que suas relações funcionem bem.

Por outro lado, pessoas que possuem gatos assinam um contrato de longo termo, pois eles vivem mais do que os cachorros. Além disso, gatos têm seus donos, não o contrário. Isso também pode ser um diferencial, afinal, essas pessoas não tem os problemas de controle que alguém com um cachorro pode ter e talvez seja mais autossuficiente, por isso não precisa da validação externa que um cão oferece. Mas gatos não oferecem tantos benefícios sociais e nem sempre são muito sociáveis. Talvez por isso sejam os reis do ciberespaço.

Mas, apesar dos palpites, veja o que a ciência diz sobre gateiros e cachorreiros

1. Cachorreiros são mais extrovertidos

Sim, estudos confirmam nossas crenças culturais gerais, o primeiro conduzido por Samuel D. Gosling e outros de acordo com os Cinco Grandes Traços de Personalidade. Seus resultados confirmam os resultados de outros estudos de que pessoas com cães eram mais extrovertidas e menos neuróticas do que os donos de gatos. Mas este estudo também mostrou que o grupo felino estava mais aberto às experiências do que o canino.

2. Gateiros são mais inteligentes e mais intelectualmente curiosos

Isso é o que um estudo de 600 estudantes universitários conduzido por Denise Guastello e seus colegas descobriu, ao mesmo tempo, confirmando achados anteriores de que os amantes do cães são mais extrovertido e animados. Mas aqueles que preferem felinos são mais introvertidos, sensíveis e de mente aberta. Além disso, este estudo afirma que não são mais neuróticoso. Eles também tendem a ser mais não-conformistas, talvez ecoando a independência pela qual os gatos são famosos e conseguiram maior pontuação em testes de inteligência.

3. O animal com que você se identifica pode refletir a sua visão do mundo

Uma pesquisa feita pela revista Time mostrou que os liberais tendem a preferir gatos, enquanto os conservadores estavam mais propensos a gostar de cães. Mas algumas pesquisas sugerem que este pode ser verdade: trabalhando a partir da proposição de que “as pessoas preferem animais de estimação que se comportam de uma maneira que complementa suas próprias personalidades“.

4. Dicotomia de gênero

A socióloga Lisa Wade pontua que gateiro ou cachorreiro é só mais uma maneira de classificar se uma pessoa é mais feminina ou masculina. “Afinal de contas, não é estereotipo as mulheres terem gato e homens terem cães? E não achamos que os homens com os gatos são um pouco femininos ou, no mínimo, mais doces do que a maioria … mesmo, talvez, gay? E não imaginamos que mulheres com cachorros são mais duras e atrapalhadas? A dicotomia / cão gato é de gênero “.

Leia Também

7 dicas para viajar com seu animal de estimação

7 dicas para viajar com seu animal de estimação

13 alimentos proibidos para cães e gatos

13 alimentos proibidos para cães e gatos

7 motivos pelos quais gatos melhoram sua saúde

7 motivos pelos quais gatos melhoram sua saúde

Ter um cachorro diminui ansiedade em crianças

Ter um cachorro diminui ansiedade em crianças

5 benefícios que os cachorros proporcionam à saúde humana

5 benefícios que os cachorros proporcionam à saúde humana

Curta nossa página

Siga no Pinterest