Relacionamento

Aprenda a controlar a raiva em 10 passos simples

Atualizado em 16 de abril de 2019
Aprenda a controlar a raiva em 10 passos simples

Se a raiva te dominar, aprenda a mandá-la embora e a parar de nutrir esse sentimento até que vire um monstro maior do que você

Você solta fumaça pelo nariz quando alguém te ultrapassa no trânsito? Sua pressão sanguínea aumenta quando seu filho se recusa a cooperar com as tarefas de casa? O trabalho faz seu coração acelerar e te dá vontade de xingar todo mundo ao redor? Parece uma quantidade bastante razoável de raiva contida.

A raiva é uma emoção normal e até saudável nas situações certas– mas é importante aprender a lidar com isso de maneira positiva. Raiva descontrolada pode prejudicar sua saúde e seus relacionamentos.

Manter sua temperatura sob controle pode ser um desafio, mas você pode e deve querer encará-lo. Já ouviu a expressão “pensar com o fígado” para quando se age por um impulso de raiva sem racionalizar? Essa expressão não é assim infundada como parece.

A medicina tradicional ayurvédica da Índia e a milenar medicina chinesa atribuem o sentimento de raiva ao fígado. Você não quer encher o seu dia-a-dia de bile e deixá-lo amargos como fel, não é mesmo?

Segundo essas duas correntes orientais, o descontrole emocional causado pela raiva afeta o corpo como um todo por meio do fígado – segundo maior órgão do corpo humano, perde apenas para a pele em tamanho.

Isso porque eles acreditam que tudo o que acontece no nosso organismo é causado pela energia que emanamos e recebemos – e essa energia pode ficar circulando no nosso organismo ou podemos aprender a liberá-la e com isso libertar nosso corpo e nossa mente daquilo que realmente não nos serve.

Ainda bem que para quase tudo se pode dar um jeito nessa vida. Basta um pouco de boa vontade, esforço e convicção para trocar velhos hábitos por novos que sejam mais adequados para aquilo que você precisa. Pronta para deixar sua raiva sob controle? A Mayo Clinic, um dos maiores nomes no mundo em pesquisa e descobertas na área da saúde e bem-estar, separou algumas dicas que podem te ajudar a viver melhor e com muito menos raiva. Aproveite!

1 – Pense antes de falar

No calor do momento, é fácil dizer algo de que você vai se arrepender depois. Tire alguns momentos para reunir seus pensamentos antes de dizer qualquer coisa – e permita que os outros envolvidos na situação façam o mesmo. Ouvir é tão ou mais importante do que falar.

2 – Quando estiver calmo, expresse sua raiva

Assim que estiver pensando com mais clareza, quando a tempestade tiver acabado e o calor do momento tiver se dissipado, expresse sua frustração de maneira assertiva, mas não conflituosa. Indique suas preocupações e necessidades de forma clara e direta, sem ferir os outros ou tentar controlá-los.

3 – Pratique algum tipo de atividade física

A atividade física pode ajudar a reduzir o estresse que pode ser uma das causas da raiva indiscriminada. Se você sentir sua raiva aumentando, faça uma rápida caminhada, corra ou passe algum tempo fazendo outras atividades físicas agradáveis.

4 – Tome um tempo

Pedir tempo, como nos esportes, não é algo que funciona apenas para crianças. Faça pequenas pausas durante o dia que tende a ser estressante. Alguns momentos de silêncio podem te ajudar a se sentir melhor preparada para lidar com o que está pela frente sem sentir uma quantidade absurda de raiva.

5 – Identifique possíveis soluções

Em vez de se concentrar no que causa o sentimento de raiva, trabalhe para resolver o problema em questão. O quarto bagunçado do seu filho te tira do sério? Feche a porta. Seu parceiro está atrasado para o jantar todas as noites? Programe as refeições no final da tarde – ou aceite comer sem companhia algumas vezes por semana. Lembre-se de que a raiva não consertará nada e ainda poderá piorar a situação.

6 – Use sempre declarações que especifiquem sua opinião própria

Para evitar criticar ou colocar a culpa em alguém – o que pode apenas aumentar a tensão – use as reitere que você tem um problema com aquilo. Faça isso de maneira específica e respeitosa. Por exemplo, diga: “Estou aborrecida por você ter saído da mesa sem se oferecer para ajudar com os pratos”, em vez de “você nunca ajuda em nenhuma tarefa doméstica”.

7 – Não guarde rancor

O perdão é uma ferramenta poderosa. Se você permitir que a raiva e outros sentimentos negativos acabem com sentimentos positivos, você poderá se ver engolido pela sua própria amargura ou sentimento de injustiça. Mas se você pode perdoar alguém que tenha irritado você, aí poderá aprender com a situação e fortalecer seu relacionamento.]

8 – Use o humor para liberar a tensão

Rir um pouco pode ajudar a liberar a tensão. Use o humor para te ajudar a enfrentar o que está deixando você com raiva e, possivelmente, com expectativas irrealistas que você tem sobre como as coisas devem acontecer. Evite o sarcasmo, porém –isso pode ferir sentimentos e piorar as coisas para todos os envolvidos.

9 – Pratique atividades de relaxamento

Quando seu temperamento se inflama, coloque as suas habilidades de relaxamento para trabalhar. Pratique exercícios de respiração profunda, imagine uma cena relaxante ou repita uma palavra ou frase calmante, como “Acalme-se”. Você também pode ouvir música, escrever em um diário ou fazer algumas posições de ioga – o que for preciso e funcionar para trazer uma sensação de relaxamento.

1 – Saiba quando procurar ajuda

Aprender a controlar a raiva é um desafio para todos os tipos de pessoas em alguns momentos da vida. Procure ajuda para problemas de raiva se a sua raiva parece fora de controle, faz com que você faça coisas das quais você se arrepende depois ou machuque as pessoas ao seu redor.

Leia Também

7 dicas práticas para combater a ansiedade comportamental

7 dicas práticas para combater a ansiedade comportamental

Estresse bom? Sim, ele existe

Estresse bom? Sim, ele existe

TPM e TDPM: as diferenças entre as síndromes pré-menstruais

TPM e TDPM: as diferenças entre as síndromes pré-menstruais

Você sabe o que é ansiedade? Veja 5 dicas para controlá-la

Você sabe o que é ansiedade? Veja 5 dicas para controlá-la

10 alimentos para aumentar seu bom humor

10 alimentos para aumentar seu bom humor

Curta nossa página

Siga no Pinterest