Você sabe qual é o seu tipo de pisada?

Já sentiu algum tipo de desconforto nos pés durante uma caminhada longa ou ao praticar corrida? Parece que um lado do pé se cansa mais rápido do que o outro? Isso pode ser devido ao tipo de pisada que você tem!

Existem vários tipos de pés. Uns mais gordinhos, outros mais largos, com o segundo dedo maior que o dedão… Mas não é exatamente sobre isso que iremos falar hoje. Quando analisamos a pisada de alguém, analisamos o corpo em movimento e, nesse caso, o que mais impacta na mudança do tipo de pisada é o arco do pé!

Basicamente, existem três tipos de pisada:

  • Os pés que apresentam um arco padrão são chamados de arco neutro;
  • Quando o arco do pé está quase ausente ele é chamado de arco baixo (pés chatos);
  • Quando o arco do pé se apresenta bem mais proeminente ele é identificado como arco alto.

Arco Normal          Arco Baixo          Arco Alto

Dependendo do tipo de arco que você possui irá interferir diretamente no tipo de sua pisada. Uma das formas de identificar é analisando um tênis/sapato seu com algum tempo de uso, analisando onde há mais desgaste.

Arco normal: quando você tem um arco normal, a tendência é ter a articulação do tornozelo em uma posição neutra, ou seja, ao caminhar o solado terá desgaste maior nas pontas dos dedos e no calcanhar, sem muito desvio para as laterais.

Arco baixo: quando seu arco do pé é baixo, ou comumente chamado de ‘pé chato’, a tendência é ter um deslocamento do tornozelo, fazendo-os mais pronados, ou seja, com o alinhamento do tornozelo mais para dentro. Por causa disso, os desgastes de seu solado serão mais medial (parte de dentro) na ponta dos pés e mais lateral (parte de fora) nos calcanhares.

Arco alto: ao contrário do exemplo anterior, quando temos o arco alto, bem curvado para cima, a tendência é exatamente a oposta, ou seja, a pisada se torna mais supinada, com o alinhamento do tornozelo mais para fora. Por consequência, os desgastes de seu solado serão mais lateralizados (parte de fora), tanto nas pontas dos pés quanto no calcanhar.

Comece a perceber o tipo de pisada que você tem! Assim, você conseguirá pesquisar qual tipo de tênis/sapato/sapatilha é o mais adequado ao seus pés conseguindo, assim, evitar dores e desconfortos neles!